Próximo Jogo

Próximo Jogo

17/10/2011

Casos... clínicos!

Após o jogo para a 3ª eliminatória da Taça de Portugal e imediatamente antes do jogo da 3ª jornada para a Liga Europa, Domingos Paciência debate-se com alguns problemas quanto à disponibilidade de 8 jogadores do seu plantel. A saber:


Anderson Polga - estiramento na coxa direita;
Daniel Carriço - entorse no pé direito;
Oguchi Onyewu - mialgia na virilha;
Elias - mialgia na coxa direita;
André Carrillo - traumatismo no tendão de Aquiles na perna direita;
Valeri Bozhinov - entorse no tornozelo esquerdo;
Marat Izmailov - em processo de recuperação;
Jeffrén Suárez - em processo de recuperação.

No apronto para o próximo jogo, temos praticamente todos os centrais em dúvida, já que Alberto Rodríguez também não está em perfeitas condições pela sobrecarga de jogos (titularíssimo nos 2 jogos da Selecção do Peru mais 45 minutos, em esforço, pelo Sporting, na Taça de Portugal). Ainda assim, dos 4 centrais, será o que estará em melhores condições para o jogo de 5ª-Feira. Oguchi Onyewu poderá ainda recuperar para esse jogo, não sendo totalmente garantido. Daniel Carriço, com um traumatismo e possível entorse no pé direito, está de fora do leque de disponíveis enquanto que Anderson Polga estará em dúvida para o jogo! Uma razia defensiva, portanto...

Resta a Domingos ir "pescar" aos juniores, nos jogadores inscritos na lista B para a Liga Europa, onde constam Tiago Ilori e Tobias Figueiredo. Outra opção seria voltar a adaptar Evaldo a central, como fez em Famalicão para a taça, frente ao Clube local, mas Insúa está suspenso para este jogo portanto Evaldo é a única opção na esquerda!

Quanto ao meio-campo, Elias, a par com uma mialgia não pode jogar na Liga Europa (por já ter jogado pelo Club Atlético de Madrid) logo não será uma baixa para este jogo, podendo recuperar a tempo do Sporting CP vs Gil Vicente para a próxima jornada da Liga Zon Sagres. Marat Izmailov estará também fora do pensamento do treinador, pelo menos por mais cerca de 2 meses, por estar em fase de recuperação da 3ª operação ao mesmo joelho, embora esta tenha sido menos grave.

No frente de ataque, nas alas estão disponíveis, de momento, Diego Capel e Bruno Pereirinha, visto que André Carrillo e Jéffren Suárez se encontram lesionados; o peruano com um traumatismo no tendão de Aquiles da perna direita, o hispano-venezuelano ainda a recuperar da lesão frente ao Marítimo. Valeri Bozhinov, com uma entorse no tornozelo esquerdo, também não poderá dar o seu contributo; sobram Ricky van Wolfswinkel e Diego Rubio.
Aqui, Iuri Medeiros, Ricardo Esgaio, Michael Pinto e Betinho (também inscritos pela lista B), podem preencher as vagas deixadas pelos lesionados.

Mais que o culpar o Departamento Clínico do Sporting CP (que trata as lesões já existentes), fica a pergunta:
Os planos de preparação física serão os mais indicados?!
Partilhar:

10 comentários:

  1. Boas

    só um aparte, porque insistem em escrever mal o nome do BOJINOV e não Bozhinov como aparece sempre aqui referido neste blog.

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  2. Formi,

    É uma das dúvidas recorrentes. Passo a explicar:
    O nome completo do búlgaro é Valeri Emilov Bozhinov (pode pesquisar onde quiser, se quiser comprovar), o próprio site do Sporting refere isso aqui. A troca do ZH pelo J é uma ocidentalização por forma a ser mais fácil a pronunciação do nome, já que o mesmo ZH, em búlgaro, lê-se J...

    Espero ter esclarecido!
    Um abraço...

    ResponderEliminar
  3. temos a equipa quase toda no estaleiro. agora que estavamos em grande ex que começao as lesoes.agora sinceramente nao sei como vai ser com a liga europa a porta e campeonato sem podermos perder pontos.


    saudaçoes leoninas

    ResponderEliminar
  4. Quais foram as fontes de onde foram buscar as lesões mais recentes dos nossos jogadores ?

    SL

    ResponderEliminar
  5. Domingos quando treinava o Braga jogou uma eliminatória já adiantada da Liga Europa penso que contra uma equipa russa com meia equipa lesionada, tendo inclusivamente adaptado o avançado Paulo César a defesa direito.
    Vários juniores compuseram o onze titular.
    E não perdeu esse jogo (ou empatou ou ganhou mesmo), tendo passado a eliminatória.
    Por isso, se for preciso até jogamos com iniciados.

    Jarvalho

    ResponderEliminar
  6. Foi contra o Dinamo de Kiev e foram as meias finais da Liga Europa.
    O jogo terminou empatado a zero.
    Paulo César jogou a lateral direito e Vandinho a defesa central

    Jarvalho

    ResponderEliminar
  7. Anónimo,

    Obviamente, nos jornais desportivos, antes e após o jogo da 3ª eliminatória da Taça de Portugal, que foram noticiando estas lesões. Anderson Polga, Marat Izmailov, Jeffrén Suárez, Elias, André Carrillo e Valeri Bozhinov ainda antes desse jogo, Daniel Carriço e Oguchi Onyewu no decorrer do jogo.

    JC,

    A minha maior preocupação não é o jogo em si, até porque o FC Vaslui não será, pelo menos teoricamente, um adversário que nos inspire grandes cuidados (nunca fiando, no entanto), mas sim o número de lesões que vão surgindo no Sporting CP. Desta vez são 8 jogadores a inspirar cuidados, na época passada lembro-me de uma altura em que, salvo erro, eram 13 ou 14, o que me leva a duvidar das capacidades dos preparadores físicos no que respeita aos planos individuais dos jogadores, só isso!

    E isto mesmo tendo em conta que grande parte destes 8 estará apto para o jogo da Liga Europa ou, no pior dos casos, para o jogo seguinte, em casa frente ao Gil Vicente FC, para a Liga Zon Sagres...

    Um abraço

    ResponderEliminar
  8. Mauro:
    Entorses e traumatismos não têm a ver com preparação fisica e três dos nossos lesionados padecem dessa maleita.
    Depois, Izmailov já é um caso antigo e ROdriguez um caso recorrente.

    Restam Polga, Oniewu, Elias e Jefren, com mialgias e estiramentos e problemas musculares - no caso do Jefren - que, esses sim, poderão resultar da deficiente preparação fisica.

    Mas é preciso ver a sobrecarga de jogos de Onyewu

    ResponderEliminar
  9. De qualquer forma, não deixam de causar alguma apreensão estas lesões, num plantel já de si curto, pelo menos no que respeita aos jogadores de qualidade.
    Imagino o que seria, neste momento, lesões simultâneas de Capel, Rinaudo e Wolfswinkel

    ResponderEliminar
  10. JC,

    Claro. É como costumo dizer, não sabemos das condicionantes todas nem das especificidades de cada lesão, logo só podemos especular...

    Entendo que entorses e traumatismos sejam situações "normais" decorrentes de situações de jogo. De qualquer maneira, concordarás que, mesmo esses casos, aparecem em demasia. Por exemplo, um aquecimento "deficiente" (so to speak) pode levar a uma entorse durante o jogo...

    E mesmo quanto aos problemas musculares, são manifestamente demais, a meu ver, embora as condicionantes que já referi. Os rivais também tiveram muitos jogadores nas selecções e não se conhecem casos destes.

    Bem, poderíamos estar aqui a noite toda a falar sobre isto. A verdade é que, desde os tempos de Giuseppe Materazzi que os casos de lesões no Sporting aumentaram exponencialmente. Daí a minha questão final do post!

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!