Próximo Jogo

Próximo Jogo

07/11/2011

O Sporting, hoje!

Mesmo com uma exibição trémula, o Sporting conseguiu mais uma vitória, a 7ª seguida na Liga Zon Sagres, desta feita frente à UD Leiria, com um bis de Matías Fernández (as opiniões continuam a não ser consensuais, mas o que é facto é que, quando na "sua" posição, o internacional chileno é preponderante na equipa), e um golo de Ricky van Wolfswinkel, de penalty. Mesmo só com um dia de descanso (noutras circunstâncias, quando uma equipa jogava fora para a Liga Europa, tinha direito a jogar à 2ª-feira. No caso do Sporting CP, já não é a 1ª vez que tal não acontece)...

Pelo meio, mais uma arbitragem ao nível daquelas que temos assistido nos "nossos" jogos.  Se é verdade que João Pereira, aos 54', deveria ter visto o cartão vermelho directo, por ter pisado Tiago Terroso, com este já no chão, também é verdade que bem antes, aos 13', Edson pisou também deliberadamente Ricky van Wolfswinkel, pontapeando-o logo de seguida, ficando um cartão vermelho directo por mostrar ao jogador leiriense. Quanto ao penalty no último minuto de jogo, não há dúvidas, é bem assinalado, ainda que a sanção disciplinar possa ter sido exagerada - o jogo acabaria após a marcação da grande penalidade, pelo que o vermelho não tem qualquer influência para o jogo.

Dito isto, custa-me, sobremaneira, entender como é que os facciosos benfiquistas conseguem dizer que fomos beneficiados, desavergonhadamente, pela equipa de arbitragem! Embora seja certo, de antemão, que mais não seria de esperar de tal raça, onde jogadores como Javi Garcia se mostram racistas, quando no próprio plantel têm vários jogadores negros. Já para não falar da própria massa adepta do SL Benfica!...

Apetece-me dizer - se mesmo a jogar assim continuamos a ganhar, estou confiante para o resto da temporada! Não obstante, em boa hora chega esta pausa nos jogos oficiais (pelo meio disputamos a Taça da Independência de Angola, incluída nos festejos do 36º aniversário da República daquele País mas, oficialmente, o Sporting CP só volta a 20 de Novembro, contra o SC Braga, para a Taça de Portugal, antes da deslocação, 6 dias depois, ao reduto do arqui-rival SL Benfica)! Com certeza, esta pausa servirá para recuperar muitos dos indisponíveis do plantel, nomeadamente Anderson Polga, Alberto Rodríguez, Oguchi Onyewu, Emiliano Insúa e, quiçá, Jeffrén Suaréz e Marat Izmailov. Perhaps...

Ontem, ganhámos mais 7 pontos, os 3 da vitória mais 2 pontos que cada um dos dois rivais, SL Benfica e FC Porto, perderam nos seus jogos. Estamos, agora, apenas a 1 ponto da liderança da Liga Zon Sagres (lugar em que, aliás, deveríamos estar, não fossem aqueles pequenos "furtos" das primeiras 4 jornadas - convém relembrar!!!), e o derby da Luz poderá ditar uma nova ordem na classificação (na mesma jornada, o FC Porto recebe o SC Braga) pelo que um bom resultado (que pode até nem passar pela vitória), poderá renovar as aspirações do Sporting CP.

Jogo a jogo, "grão a grão", o Sporting lá vai fazendo o seu caminho, apesar de todas as contrariedades (arbitragens, lesões...) e independentemente dos rivais, olhando mais para dentro que para fora, como deve ser! O Sporting é, hoje, a antítese de tudo o que foram as últimas 2 épocas! Mérito para toda a estrutura do Sporting CP, de alto a baixo, desde o presidente Luís Godinho Lopes ao jogador menos utilizado da equipa e que, inclusivé, fez renascer a onda verde-e-branca.

O Sporting está de volta! Sem euforias e com os pés bem assentes na terra!....
Partilhar:

10 comentários:

  1. Gonçalo Correia7/11/11 18:05

    O jogo foi fraco. A equipa nunca conseguiu assumir as despesas do encontro, e criar desequilibrios: tivemos sorte em marcar 2 golos, porque não criámos muitas mais ocasiões...

    De qualquer forma, o principal foi conseguido (a vitória). Estamos, novamente, na luta pelo título. Agora há que continuar a crescer (quer a nível de exibições, quer de resultados).

    É um facto que houve muitas condicionantes (as lesões, já muito faladas, e o facto de ser o primeiro jogo sem Rinaudo, o que obriga a uma alteração de comportamentos, porque o Schaars e o André são jogadores diferentes do argentino).

    Mas, mesmo assim, já nos jogos anteriores se haviam visto algumas lacunas na equipa. Quer contra o Gil Vicente, quer contra o Feirense, quer contra o Vaslui. Por isso, a paragem vem numa boa altura.

    É preciso continuar a trabalhar para que a equipa possa crescer e atingir patamares exibicionais condizentes com os resultados que temos tido nos últimos jogos.

    Força nisso Domingos! Em frente Sporting!

    ResponderEliminar
  2. Sou Benfiquista e queria apenas dizer que:

    Em primeiro lugar o Sporting não tem sido beneficiado com as arbitragens. Os árbitros têm sido bastante justos com o Sporting e tudo corre sob a normalidade.

    Em segunda lugar a massa associativa não é racista a excepção não faz a regra e existem abusos de tanto as claques do Benfica como do Sporting e do Porto, etc.

    Em terceiro lugar com que direito se vem falar do racismo do Javi Garcia quando nos seus variados anos de profissional, nunca nenhum jogador de cor se queixou do Javi?!
    Ninguém do plantel do Benfica, se queixou de mau comportamento do Javi e nenhum cidadão an rua se queixou dele? O senhor estava em campo para descortinar o que o Javi disse ? lê lábios?

    Depois dos apagões em Braga sempre que o Benfica estava a pressionar e nunca mais após o golo do Braga, depois dos jogadores do Benfica não terem gás no balneário e terem que tomar banho de água fria e depois daquela entrada do Alan que ia lesionando o Javi Garcia é preciso muito ódio ao Javi (já não digo ao Benfica) para tentar fazer dele a figura do Voldemort do Harry Potter (com ironia :) )

    ResponderEliminar
  3. pedro eu esta epoca poucos jogos vi do benfica.. o ano passado os que vi, o javi agredia sempre um jogador.. e nem era falta seqer!

    ResponderEliminar
  4. pedro,

    A sua opinião é válida, como todas - afinal são apenas isso, meras opiniões!

    Mas, respondendo-lhe, por partes:

    "Os árbitros têm sido bastante justos com o Sporting e tudo corre sob a normalidade." - Depreendo daqui que, portanto, aqueles primeiros 4 jogos do Sporting CP, na Liga Zon Sagres, foram justos ao nível das arbitragens... e que tudo correu sob a normalidade?! Bem, se acha que 2 golos mal invalidados e 3 penaltys claros não sancionados é algo "justo" e "normal", estamos conversados;

    "Em segunda lugar a massa associativa não é racista(...)" - Não mencionei a massa adepta benfiquista nesse sentido. O que quis dizer é que a massa adepta benfiquista tem muitos adeptos de raça negra, e Javi, perante o que fez com Alan e Djamal, estaria, por conseguinte, a insultar esses tantos e tanto adeptos. Já para não falar nos colegas de equipa;

    "(...)com que direito se vem falar do racismo do Javi Garcia quando nos seus variados anos de profissional, nunca nenhum jogador de cor se queixou do Javi?!
    Ninguém do plantel do Benfica, se queixou de mau comportamento do Javi e nenhum cidadão an rua se queixou dele? O senhor estava em campo para descortinar o que o Javi disse ? lê lábios?"
    - Nunca nenhum jogador se queixou do racismo de Javi Garcia... e, de repente, surgem 2 - Alan e Djamal. Coincidência?!
    Quanto ao resto, obviamente que os colegas de equipa do espanhol nunca iriam dizê-lo, mesmo que Javi o fizesse também para com os colegas de equipa (que decerto não o faz), até porque o próprio Clube não o permitiria! Não estava em campo, não leio lábios... mas quer saber uma coisa? Javi tapou a boca com a mão, portanto nem que eu lesse lábios ( e nas tv's é fácil fazê-lo) conseguiria saber o que ele disse; aliás, ninguém!

    Quanto ao seu último parágrafo - Parte do pressuposto que os "apagões" foram deliberados. Eu não o faço, até prova em contrário, admitindo que é, de facto, estranho, e prejudicou mais uma que outra equipa. Quanto à água fria, os jogadores do Benfica estiveram também no balneário do SC Braga, ao que se diz na comunicação social, e puderam constatar que os jogadores do Braga também não tinham água quente....

    Não estou a fazer do Javi Garcia um bode expiatório, mas situações de xenofobia e racismo são sempre lamentáveis. Assim como o espanhol não é o Voldemort também, com certeza, não é nenhum anjinho...

    Saudações desportivas...

    ResponderEliminar
  5. Mauro:

    Bom post.
    Seguramente entre os melhores, desde que comecei a frequentar o blogue.

    Chamaste-me ontem a atenção para um factor importante que me estava a passar: o SCP jogou com pouco tempo de descanso relativamente ao jogo da Liga Europa.
    Lembro que quando perdemos com o Marítimo em casa foi em circunstâncias idênticas, com menos de 72 horas de recuperação relativamente ao jogo com o Nords.... (qualquer coisa).

    Em tempos, o catedrático Jesus, depois de ter feito um jogo para a Liga que perdeu, penso que em Braga, na sequência de um jogo na Liga Europa disputado exactamente 3 dias antes, dizia, justificando a derrota, que menos de 72 horas de diferença entre dois jogos não permitia o restabelecimento fisico e psicológico dos jogadores.

    Se a esse pouco tempo de recuperação juntarmos as horas a que a equipa do SCP chegou a Lisboa na sexta feira (às 6 da manhã), a lesão de Rinaudo e o abalo que isso trouxe à equipa, a quantidade enorme de lesões que assola o nosso plantel e as tradicionais dificuldades que a equipa do Leiria nos coloca em Alvalade, então diria que a vitória de ontem por 3-1 foi fantástica.
    Preciosa, mesmo, pois que ganhámos pontos aos nossos directos adversários, na véspera da deslocação ao Galinheiro, onde vamos defrontar os respectivos galináceos com apenas 1 ponto de atraso.

    Esta equipa, que foi dada como acabada à 3ª jornada, a caminhar a passos largos para a "belenização", surge pujante, a jogar um futebol espectáculo, a entusiasmar os adeptos, e com uma média de assistências superior a 30 mil pessoas por jogo.

    A visita de hoje de Capel ao adepto que caiu ontem no fosso é a mais recente demonstração da simbiose que se está a criar entre a equipa de futebol e os sportinguistas, que permite, por exemplo, Ilori ser aplaudido depois da infeliz intervenção que teve no decorrer do jogo de ontem.

    "Esta equipa faz-me sonhar"!

    Saudações Leoninas

    Jarvalho.

    ResponderEliminar
  6. Parabéns por mais um bom post, Mauro. So fica aqui uma pequena correcção, sabendo que tu detestas erros ortograficos e gramaticais: concensuais nao se escreve assim, é consensuais. Peço desde ja desculpas pela falta de acentos, mas este teclado é franciu e não da para mais.

    SL
    Diogre

    ResponderEliminar
  7. Obrigado pelo "toque", diogre,

    Desta vez, por ser uma gralha tão comum, nem reparei!

    SL

    ResponderEliminar
  8. O Sporting foi o primeiro dos 3 grandes a querer construir um novo Estádio.
    Apesar de ter pensado e projetado o Estádio muito mais cedo que os outros 3 clubes, o nosso Estádio acabou por ser claramente o pior dos 3 grandes.
    É incompreensível!!!!!
    Aquele fosso horroroso, além de inacreditavelmente feio, ainda por cima retira a possibilidade do estádio poder comportar muitos mais lugares.
    Por outro lado, coloca os adeptos muito loge do relvado, e é sabido como é importante a presença dos adeptos tão perto quanto possível dos jogadores, a fim de os incentivar.
    A construção dum estádio de futebol não é o mesmo que a construção dum centro comercial. A Direção do Sporting do tempo da construção do Estádio, bem podia ter-se oposto à contrução deste aborto.
    Não é fácil fazer um estudo custo-benefício da eliminação do fosso, mas, com o aumento do número de lugares e, sobretudo, com o impacto no ânimo dos jogadores, pelo facto dos adeptos ficarem mesmo em cima do relvado, o que poderia incentivar a mais alguns pontos ganhos, leva-me a concluir que acabaríamos a lucrar.
    Já agora, seria também de estudar a recolocação dos ecrãs.
    DUARTE

    ResponderEliminar
  9. Duarte,

    O assunto do post não faz sequer menção a esse ponto sobre o fosso. Até porque é um assunto já mais que escrutinado!

    Corrigindo-lhe o comentário, se mo permite:

    "O Sporting foi o primeiro dos 3 grandes a querer construir um novo Estádio.
    Por ter pensado e projetado o Estádio muito mais cedo que os outros 3 clubes, o nosso Estádio acabou por ser claramente o pior dos 3 grandes.
    É incompreensível!!!!! - Agora é, na altura não! Até pelas funcionalidades que o fosso teria, à priori. Que, afinal, agora se prova não atingir os objectivos para o qual foi idealizado!...
    Aquele fosso horroroso, além de inacreditavelmente feio, ainda por cima retira a possibilidade do estádio poder comportar muitos mais lugares. - Não serão muitos mais lugares. Ainda assim, não sei se, na conjectura actual, mais lugares significará mais encaixe com a bilhética ou mais prejuízo.
    Por outro lado, coloca os adeptos muito loge do relvado, e é sabido como é importante a presença dos adeptos tão perto quanto possível dos jogadores, a fim de os incentivar. - No antigo estádio, havia a pista de tartãn, que afastava ainda mais os adeptos do relvado. Ninguém se queixava (...) mas compreendo esse argumento!
    A construção dum estádio de futebol não é o mesmo que a construção dum centro comercial. A Direção do Sporting do tempo da construção do Estádio, bem podia ter-se oposto à contrução deste aborto. - É fácil falar agora... até eu o digo. Na altura é que era mais difícil (não me esqueço dos louvores que se fizeram ao novo estádio, após a sua edificação!)...
    Não é fácil fazer um estudo custo-benefício da eliminação do fosso, mas, com o aumento do número de lugares e, sobretudo, com o impacto no ânimo dos jogadores, pelo facto dos adeptos ficarem mesmo em cima do relvado, o que poderia incentivar a mais alguns pontos ganhos, leva-me a concluir que acabaríamos a lucrar. - Plenamente de acordo, exceptuando, como disse acima, a questão do lucro...
    Já agora, seria também de estudar a recolocação dos ecrãs. - É uma das tais questões da remodelação do estádio que está a ser estudada, julgo. Não lhe dou certezas, no entanto...

    Um abraço

    ResponderEliminar
  10. Obrigado pelos esclarecimentos.
    DUARTE

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!