Próximo Jogo

Próximo Jogo

04/03/2012

Quantos dias tem o Sporting de vida?


Estive meses e meses na jarra sem pronunciar uma palavra, pois de facto, eram muitos a fazê-lo, uns com cabeça, outros apenas a disparar em todas as direções jogo após jogo e, eu preferi manter-me à parte. Mas chegou àquela altura em que se esgotaram as fichas D(a)' Paciência.

Hoje foi a primeira derrota da era Sá Pinto e os fantasmas voltaram todos. Voltaram? Mas eles nunca chegaram a partir.

Após um empate e três vitórias, voltava-se a criar a expetativa de que o Sporting ia entrar nos "eixos". O Sá Pinto era o salvador da pátria, ele é que ia incutir raça nos jogadores, agora é que vai ser. Mas se recuarmos e pensarmos bem, as 3 vitórias por 1-0 caíram do céu aos trambolhões, uma equipa que não cria oportunidades de golo, que não faz remates à baliza, não pode ganhar jogos. O que podemos tirar de positivo da era Sá Pinto? Os minutos jogados por Izmailov!

Recuando a Paciência, era de facto gritante a falta de fio de jogo (que continua), as suas escolhas já não se compreendiam, os jogadores passavam de suplentes a titulares, de titulares a não convocados, erros atrás de erros. Erros não só do próprio treinador como também da arbitragem, porque se nos primeiros jogos temos tido a sorte de contar com uma arbitragem digna, o embalo era grande ainda numa fase embrionária da época.
Depois da série de vitórias seguidas, e da saída de Rinaudo, a equipa desceu a pique, passou de Chocapic (jogadores lá para dentro e puff as vitórias apareciam) para a fase Cerelac (é preciso dar tempo, porque a equipa só tem 7 meses).

Já não havia Paciência para Domingos que acaba inevitavelmente, por ser substituído pelo treinador da equipa de Juniores, Ricardo Sá Pinto, escolha mais que óbvia (!??!?).

(Um parênteses aqui: no dia anterior ao despedimento de Domingos, o presidente voltou a frisar que não fazia sentido o projeto sem Paciência, pensando nas palavras do candidato Bruno de Carvalho, sem Domingos Paciência e com o passivo a aumentar, ainda haverá projeto?)

Voltando à escolha do novo treinador, é inaceitável que se sacrifique uma equipa de juniores que estava fantástica, para colocar o seu treinador nos seniores, numa época que já estava perdida quanto aos objetivos principais e mesmo agora quanto ao objetivo secundário o do 3º lugar (como Sá Pinto afirmou ainda há 27 pontos para disputar, mas cada vez se afigura mais difícil alcançar esse objetivo) só porque o treinador conhecia a equipa?? Tudo bem que com o Paulo Bento resultou, mas não quer dizer que "a mesma jogada" resulte duas vezes (espero estar enganado e que Sá Pinto traga muitas alegrias).

Neste momento, está mais que visto que não é com experiências que vamos lá. Precisamos de alguém experiente que incuta garra na equipa, alguém com mais de 10 anos ao mais alto nível, alguém com passado, alguém com nome.
Mas antes disso precisamos de uma reestruturação de uma ponta à outra, quase que me arrisco a dizer que precisamos de passar por aquilo que a Fiorentina passou há uns anos atrás, começar do zero.

Voltando ao futebol propriamente dito, dentro das quatro linhas, como é que é possível o capitão (nr.4) continuar a jogar todos os fins-de-semana? Chega a ser angustiante ver Polga a correr atrás dos adversários após um pontapé na atmosfera, ou uma bola que deixa bater, é também angustiante ver Polga com a bola nos pés sem saber o que fazer à mesma. (Recuando ao jogo com o Rio Ave, ao fim de 9 anos é que se descobriu que o Polga bate livres?)

(Outro parênteses, se fosse Domingos a colocar o Polga a bater livres, ou colocar o Pereirinha ou Carriço a jogar, quais eram as palavras que lhe dirigiam neste momento?)

Como é que uma equipa que está em 4º lugar e a vários pontos de distância do seu adversário mais direto, dá-se ao luxo de deixar de fora o defesa direito titularíssimo? (Não me venham com a história da seleção, porque não precisamos de recuar muito e basta dizer: James Rodriguez.) João Pereira é atualmente o motor de jogo ofensivo do Sporting, é ele que impulsiona a equipa para os ataques. Quanto a Ricky Van Wolfswinkel, (a desculpa da gastroentrite acaba por colar), apesar do mau momento de forma, é melhor que o pinheiro que hoje jogou os 90 minutos lá na frente (veio-me agora à memória um lance quase no final do jogo Maritimo - Sporting, por sinal o último da era Domingos, em que Sebastian Ribas falha um remate e as câmeras da Sporttv filmam Paciência no momento em que ele diz: "Fodas!?#, este gajo nem um remate sabe fazer, put* que o pa***).

Agora vem o Manchester, e tendo em conta o futebol que praticamos, e o futebol que o City pratica, aquela celebre eliminatoria dos 12-1 com o Bayern, volta a estar na memória de todos.

(Pedro Abrunhosa - Momento)

Uma época hipotecada,
Um clube na falência,
Uma equipa destroçada,
E os adeptos sem Paciência.
Um presidente sem tostões,
Um passivo a aumentar,
Um Godinho em Angola à procura de soluções,
E o passivo a continuar a aumentar.
Um Sá Pinto ao leme
De uma equipa que já nem o Zé Mota teme,
Um futebol apagado,
Ainda pior que o estado do seu relvado.
Um equipa perdida,
Quantos dias tem o Sporting de vida?
O Domingos pede tempo,
Para a equipa dentro do campo,
Um infinito calvário,
Mais um passe do Polga, para o lado contrário.
O Godinho fala no projeto,
E enquanto isso, o título já foi para o tecto,

Os dirigentes pedem um momento,
Para os adeptos acreditarem,
Mas já não aguentamos este sofrimento,
Basta vocês ganharem!!
Queremos é vitórias e futebol espetáculo,
Mas para isso acontecer é preciso um miráculo.
Partilhar:

10 comentários:

  1. Anónimo4/3/12 03:57

    Adoro a expressão " Quantos dias tem o sporting"! A verdade é que é pura ironia! Estou absolutamente farto! O post, desde já está muito bem escrito e dirige-se ao devido! Estar farto soa a pouco! Este post soa um pouco a desabafo, e identifico-me com tudo o que é referido. Bem, há um limite para tudo. O jogo de hoje foi péssimo em termos de exibição e em tudo foi miséria. Sendo filosófico na forma como penso no assunto, não haverá limite de derrotas para o sporting clube de portugal?

    ResponderEliminar
  2. Anónimo4/3/12 04:02

    Ou a direcção toma a decisão de se demitir ou não faço ideia !

    ResponderEliminar
  3. Anónimo4/3/12 11:27

    Em vez de pôr João Pereira a descansar, Sá Pinto devia era dar descanso a Polga.
    A forma como Polga "corre" atrás dos adversários só dá para rir. Parece um reformado a fazer cross ao fim de semana.
    Já o treinador do Porto não deu descanso a James que, acabado de chegar após uma longa viagem de avião, é posto a jogar no mesmo dia e contribuiu decisivamente para a vitória sobre o Benfica e, quiçá, até talvez para aconquista do Campeonato.

    DUARTE

    ResponderEliminar
  4. MiguelAires4/3/12 12:46

    Espero que quinta feira encham o estadio porque o campeonato ja nao conseguimos nada do primeiro lugar , taca da liga puff , taca de portugal a final frente a academica e os oitavos agora na quinta feira frente ao man city espero que encham e estejam com a equipa e vemos se com um bocado de sorte que eu acredito passamos o city

    ResponderEliminar
  5. Anónimo4/3/12 16:27

    Parabéns pelo texto. Muita qualidade.
    Concordo com o que foi dito, só não penso que se possa julgar Sá Pinto da mesma maneira que Domingos.

    Acho que continuamos ser ter ritmo de jogo, e agora mais que nunca, vê-se que se comprou jogadores para a táctica errada. Ora bem, jogamos com um Homem-Área, mas não temos meios de lhe passar a bola.
    Jogamos com um trinco meramente defensivo na ausência de Rinaudo (Sim, porque o Sporting precisava mesmo de um trinco para conter a magia do Setubal) e abdicamos de um segundo avançado/número 10.

    Será assim tão complicado perceber que o chuta para a frente não resulta e será melhor emparelhar Wolfswinkel? Assim, quando a bola cai na frente ele não tem que passar de novo para trás e esta acabar no Rui.

    Factor Polga: Não percebo. Preferia ter lá o Tiago ou ter chamado de volta o Nuno Reis! (Já neste capítulo, não percebo se jogadores como o Wilson Eduardo, o Cedric e o Adrien são assim tão dispensáveis). Se o Adrien, podemos dizer que temos um meio campo recheado (Acho que um Meio campista que é o transporta jogo da académica podia dar jeito não?) Um avançado que têm 8 golos a jogar para uma equipa que luta para manter com capacidades únicas no plantel (velocidade, coisa que com a presença do Wolf podia dar jeito) e um Cedric que está muito mais maduro que Arias e muito mais rodado na liga?

    Pergunto ainda o que é feito de André Marques, de André Santos e de Pereirinha. Se o primeiro é capaz de jogar (e bem!) e dar simplicidade no meio campo que tanta vezes faz falta, o segundo pode dar mais a trinco que um carriço que joga como terceiro defesa central.


    Bem, parece que o Sporting precisa mais da vassourada que nunca chegou, do que dos cheques do Godinho.

    HubrisFC

    ResponderEliminar
  6. O sporting está no limbo, adormecido e em looping, volta sempre tudo ao mesmo, este jogo com o setubal foi a par do jogo da luz o jogo que mais furioso me deixou, além de ver a minha equipa a tentar jogar futebol, ver 1 arbitro que parecia mais um arbitro de UFC do que futebol, as faltas de oportunidades, a cabeça perdida de não saber o que se fazer, um sistema de 4 3 3 que deveria ser para servir 1 ponta de lança que nunca é servido, um carriço a trinco que só serve para destruir, , sinceramente nao entendo nada~(mas também só sou um adepto de bancada, deixo isso para os experts)..a pior época que vi no sporting, tendo em conta que ja la tivemos o paulo sergio e outros desse calibre, onde vamos parar? para o ano lutamos pelos lugares na uefa? como é possível atrair investidores se eles vão ter que por do bolso deles primeiro para pagar dividas e só depois investir na equipa? vai aparecer filantropo no sporting que nao se importa de mandar uns bons milhoes para a rua? sem ter qualquer retorno financeiro? temos de cair na realidade o sporting está a cair de dia para dia, há quem culpe os adeptos, ha quem culpe os treinadores, ha quem culpe a direcção, há culpados para tudo para mim todos nós fazemos parte dessa culpa, todos contribuiram para aquilo que somos hoje, até os que prometem mundos e fundos, o sporting é uma feira de vaidades onde todos tentam ter razão mesmo que isso prejudique o clube..só gostava de saber quantas horas da minha vida eu já desperdicei, há paixões que não se explicam simplesmente ama-se mesmo que nos faça mal..espero pelo futuro e apenas posso dizer até nos distritais eu vou te amar sporting

    ResponderEliminar
  7. Anónimo5/3/12 00:45

    Será que ninguem fala no que eu acho que falou no Sporting esta época
    para mim é facil de analisar os jogadores que se compraram tem categoria para jogar no sporting? pergunto eu, não será o srº Carlos freitas que está a mais ? Compra-se luis aguiar para rescindir passado poucas semanas devia-mos ter comprado um camisola 10 mas em vez disso com-se trincos e fechaduras nem todos os jogadores são maus mas naõ passam de medianos e não servem os interesses do sporting como é possivel este senhor vender ao desbarato jogadores ainda jovens e que houje dão cartas por exemplo no braga será que o wilson eduardo não tinha lugar neste sporting será que é pior que o ribas que não quis vir no inicio da epoca e como não jogava no genova veio pó sporting , mais perguntas a fazer mas deixo isso para quem entede mais disto que eu ainda aproveito para referir que as direcções passam e os bufos continuam em alvalade

    ResponderEliminar
  8. Só tenho poucas palavras para isto - Época de mudança e Sporting está de volta! Estamos exactamente iguais ao ano passado, a lutar pelo terceiro lugar, com uma chicotada psicológica e com os adeptos já em depressão a pedir mudança e vassouradas! Pode-se dizer que pouco mudou e vai continuar na mesma e por muitos anos até que mudem mentalidades(não só os adeptos como os dirigentes). Há dias gritavam que Sá Pintos era o salvador e ia trazer garra e atitude ao grupo do Sporting e agora sim com alguém da casa as coisas iam mudar! Amigos não existem milagres, não se constrói equipas em meses nem se mudam processos em 3 semanas! Tem haver paciência e começar a acreditar não só quando a equipa ganha mas quando a equipa perde também!
    Saudações Leoninas^^

    ResponderEliminar
  9. Anónimo5/3/12 10:43

    Caro Mauro, eu compreendo perfeitamente a sua forma de pensar e a maneira como emite o seu post, no entanto, mesmo tendo em atenção que não se mudam processos em 3 semanas, acha que já não era altura de tentar uma mudança de sistema? Não podemos ficar agarrados ao 4-3-3 porque fizemos 5 ou 6 jogos de grande nível. Se formos a fazer a contabilidade posso dizer que nos restantes não jogámos nadinha (e em alguns ainda apareceram vitórias aos trabulhões). De facto, eu apenas questiono isso mesmo ou seja, mudando o treinador e não podendo trocar de plantel nesta altura, por que razão não se tenta trabalhar uma táctica diferente? Pelos vistos nascemos mesmo para sofrer e temos de aguentar semana após semana a queda do nosso clube num abismo em que se afigura cada vez mais difícil sair dele. A jogar assim é de temer de facto a próxima eliminatória da Liga Europa. Esperemos que não seja um massacre. Ao minuto zero temos sempre de acreditar que é possível.

    ResponderEliminar
  10. Boas Anónimo, compreendo que queira uma mudança de esquema táctico mas como há de reparar faltam 9 jogos para o final do campeonato por isso o objectivo e falar com jogadores, transmitir confiança e claro fazer alterações não a táctica mas sim a composição da equipa. Pode se excluir o Anderson Polga (basta), não utlizar o Ribas (não vale a pena e um caso perdido, retornar empréstimo) e dar oportunidade a André Santos como médio defensivo. Claro que ele não vai fazer o trabalho que Rinaudo faz mas sempre pega o jogo de outra maneira e logo podemos usar o Carriço a central! Acredito que vamos continuar a sofrer mas claro não podemos deixar de acreditar e de apoiar!
    Saudações Leoninas^^
    P.S Queria demonstrar a minha tristeza com esta direcção que de facto não percebe que não e através de fundos e investidores que se vai salvar este clube deste calvário que andas estes últimos anos. Apenas da um desafogo mas o que o clube precisa e de uma politica forte um projecto com qualidade e ambição que foi o que faltou esta época.

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!