Próximo Jogo

Próximo Jogo

26/01/2014

O acre da vitória em Penafiel

Antes de mais quero pedir desculpa pelo atraso de 4 minutos com que este post foi publicado, encontro-me no Porto e não me lembrei que aqui são menos 4 minutos que no resto do País. 

Vitória justíssima, mas sem realizarmos uma grande exibição. Como já vendo sendo hábito em jogos desta natureza, voltámos a ter dificuldades em manter a posse de bola no meio campo ofensivo, dada a grande pressão exercida pelos jogadores adversários. A inclusão de Vítor Silva no 11 (que eu tenho defendido) não trouxe benefícios nenhuns à nossa organização ofensiva (não aumentou a nossa capacidade de manter a bola no ultimo terço, principalmente em zonas mais centrais) e, no que diz respeito à organização defensiva, não conseguiu ajudar Fredy Montero na prmeira fase de pressão, como André Martins faz e bem. 

Mais uma vez sentimos dificuldades em criar situações de finalização, através do jogo exterior, jogo esse que cada vez mais os adversários vão conhecendo e arranjando mais formas de o anular. Abusámos do jogo direto em vários momentos do jogo, sempre sem sucesso dada a ausência de uma referência na frente de ataque como Islam Slimani, mais talhado para este tipo de jogo. 

No entanto, a meio da segunda-parte apareceu Fredy Montero. Com Wilson Eduardo como referência na frente de ataque, o colombiano teve mais liberdade joagndo mais recuado e, com isso, o futebol do Sporting CP passou a ser mais apoiado. É um movimento que lhe é característico mas que tem vindo a produzir pouco efeito nos últimos jogos, muito por culpa dos adversário que já o vão conhecendo melhor. Por norma, é nas segundas-partes que Fredy Montero consegue aparecer mais em jogo, dado que os adversários já se encontram mais desgastados e não acompanham tanto os seus movimentos. 


Destaques:

Eric Dier | Maurício - Impecável o jogo da dupla de centrais leonina que não cometeram nenhum erro grave durante os 90 minutos. Maurício, como sempre, esteve muito seguro e voltou a demonstrar que consegue compensar a sua falta de velocidade com a sua leitura de jogo. Eric Dier, além de ter estado muito seguro defensivamente, ainda foi importante no processo ofensivo do Sporting CP, saiu a jogar e ainda conseguiu aparecer na área (em jogo corrido). É, sem dúvida, o central mais evoluído tecnicamente. 


William Carvalho | Adrien Silva | Vítor - Não foi um jogo fácil para os médios do Sporting CP, devido à grande pressão exercida pelos médios do FC Penafiel. Vítor nunca conseguiu ter bola no ultimo terço, sendo que a sua substituição foi benéfica para os leões. William Carvalho e Adrien Silva, que atuam em zonas mais recuadas, conseguiram ter  um pouco mais espaço para ter a bola e organizar, mas não foram influentes como em jogos anteriores. Volto a referir, jogue quem jogar no trio de meio campo, se um dos extremos não tiver um apoio mais central, contra adversários tão agressivos e pressionantes iremos ter sempre dificuldades em circular a bola no nosso meio campo ofensivo.

Carlos Mané | André Carrillo | Diego Capel - Jogo complicado para os extremos leoninos. Pouco espaço para jogar, e as linhas de passe que tinham encontravam-se quase sempre tapadas pelos jogadores adversários. No entanto foi através de algumas iniciativas individuais, quer de Carlos Mané quer de André Carrillo, que o Sporting CP conseguiu desequilibrar um pouco a estrutura defensiva do FC Penafiel. Diego Capel voltou a mostrar mais uma vez que, além da garra e intensidade com que disputa todos os duelos, é um extremo muito limitado. 

Fredy Montero | Wilson Eduardo - É de golos que os avançados vivem e, mais uma vez, Fredy Montero não conseguiu facturar. Ontem, ao contrário do que aconteceu nos últimos jogos, teve mais que uma situação clara para finalizar e não o conseguiu fazer da melhor forma. No entanto, o seu jogo entre-linhas voltou a ser determinante na organização ofensiva dos leões, aumentando a qualidade do jogo interior. Wilson Eduardo, que já em Arouca tinha jogado em zonas mais centrais, entrou bem em jogo e mostrou que aquela posição pode ser a mais indicada para ele mostrar que pode ser útil no plantel do Sporting Clube de Portugal.

Nota: Não concordo nem entendo os empréstimos, em simultâneo, de Betinho e Salim Cissé. Tendo só Fredy Montero e Islam Slimani na equipa principal, não faz sentido emprestar os dois jovens. Esperemos que nem Fredy Montero nem Islam Slimani tenham alguma lesão grave até final da época, porque caso isso aconteça, vamos sentir falta de ter pelo menos um avançado no banco de suplentes. 
Partilhar:

2 comentários:

  1. Penso que com o jogo de ontem, "ganhamos" um novo avançado, se for caso disso. Wilson Eduardo !!!

    ResponderEliminar
  2. Para alem do Wilson, temos na mesma linha do Cisse e Betinho o puro 9 recem contratado da equipe B Enoh, que tem concorrido com o 9,5 Ponde. A Direccao acautelou-se.
    Sl

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!