Próximo Jogo

Próximo Jogo

23/02/2014

Formação: Barras impedem Sporting B de vencer Moreirense (em jogo com mais uma péssima arbitragem, de Marco Ferreira) | Juniores perdem em Braga | Juvenis voltam a perder pontos | Iniciados perdem derby caseiro

  • Equipa B (Liga 2 Cabovisão)
O Sporting B empatou 0-0 em casa do líder Moreirense FC, em jogo da Jornada 31 da Liga2 Cabovisão.

Após um primeiro tempo equilibrado, a superioridade leonina na segunda-parte foi flagrante e os leões mereciam ter saído de Moreira de Cónegos com os três pontos. Destaque para a titularidade de Iván Piris (a lateral-esquerdo), de Gérson Magrão (no trio de meio-campo) e do reforço de Inverno Ousmane Dramé, que alinhou como extremo-esquerdo.

Numa primeira-parte muito equilibrada, foi a equipa da casa a criar a primeira situação de perigo, através de um remate de Pires, aos 16 minutos. A partida disputava-se com muita intensidade e prevalecia o espírito de luta, mas os lances de qualidade não abundavam. Aos 31 minutos, no melhor lance leonino na primeira-parte, Ousmane Dramé fugiu a um adversário e quase atirou a contar, não fosse a grande defesa de Marafona. Logo a seguir, foi Gérson Magrão a obrigar o guarda-redes do Moreirense FC a outra boa intervenção, na sequência de uma «bomba» de fora da área. Era essencialmente pela esquerda que a nossa equipa atacava, com Ousmane Dramé muito activo. O jovem francês conseguia passar muitas vezes pelo defesa-direito Paulinho, mas o último passe não lhe saía da melhor forma. A equipa da casa ganhava muitos pontapés de canto, mas raramente criava perigo e foi só quase a terminar a primeira-parte que as redes de Luís Ribeiro foram ameaçadas, depois de um remate de Pires embater no poste direito.

O Sporting B veio do intervalo com todo o gás e nos dois primeiros minutos, Ricardo Esgaio protagonizou duas excelentes iniciativas pela direita. Sucediam-se os pontapés de canto para os leões, mas com pouco aproveitamento. A nossa equipa dominava, através de uma excelente troca de bola. Aos 61 minutos, Ricardo Esgaio esteve pertíssimo de fazer o 0-1, na sequência de bela assistência de Cristian Ponde, tendo valido, mais uma vez, a excelente defesa de Marafona. Aos 70 minutos, Abel Ferreira procedeu à primeira substituição, com Wilson Manafá a entrar para o lugar de Ousmane Dramé. O recém-entrado colocou-se no lado direito do ataque, com Ricardo Esgaio a ir para o flanco esquerdo. O Sporting B continuava a jogar um futebol agradável e dominador. Aos 73 minutos, Ricardo Esgaio merecia o golo, mas o seu remate, após assistência de Gérson Magrão, de calcanhar, embateu com estrondo na barra. A formação da casa só conseguia responder em lances de contra-ataque, mas a defesa leonina chegou sempre para as encomendas. Aos 85 minutos, a sorte voltou a não querer nada com a nossa equipa, com Wilson Manafá a atirar à barra, naquele que foi o último lance de perigo da partida.

O próximo desafio está marcado para o próximo dia 2 de Março, Domingo, pelas 15h, na recepção ao SC Covilhã.

Classificação & resultados aqui.
  • Juniores (Campeonato Nacional - Fase de Apuramento do Campeão)
A equipa de Juniores do Sporting CP descolou-se à cidade de Braga e cedeu uma derrota, por 3-1, em jogo da Jornada 2 da Fase de Apuramento de Campeão Nacional.

Os leões até entraram bem no encontro e podiam ter saído para o intervalo com uma vantagem de dois golos, em lances protagonizados, por José Postiga e João Palhinha. No entanto, a sorte não esteve pintava de verde-e-branco e o nulo manteve-se ao intervalo.

No segundo tempo, viu-se um Sporting CP adormecido e aquém das grandes exibições a que já habituou os sportinguistas. Assim, e com espaço, o SC Braga chegou rapidamente a uma vantagem de dois golos, em lances de bola parada. Minutos depois, em contra-ataque, chegou ao terceiro. O Sporting CP ainda tentou reagir, mas já era tarde. Ainda assim, aos 83 minutos, Francisco Geraldes, apontou o golo de honra para os leões, sentenciando o resultado (3-1).

O próximo jogo está marcado para o próximo fim-de-semana, na recepção à UD Leiria.

  • Juvenis (Campeonato Nacional - 2ª Fase - Série Sul)
A equipa de Juvenis do Sporting CP, na deslocação a Oeiras onde defrontou a formação local, empatou a dois golos, depois de estar a perder por 2-0. Guilherme Ramos foi o autor dos tentos leoninos.

O Sporting CP entrou bem no jogo, mas foi a equipa da casa que apontou o primeiro tento, fruto de uma jogada de contra-ataque. Com o marcador em 1-0, a partida chegou ao intervalo com uma desvantagem injusta da equipa verde-e-branca.

Na segunda-parte, os comandados de Telmo Costa voltaram a entrar com uma grande atitude, mas, novamente, em contra-ataque viram a formação do AD Oeiras marcar o 2-0. A equipa leonina não baixou os braços e mostrou que queria sair da partida com outro resultado e acabou por chegar ao empate a dois golos já em tempo de compensação. O árbitro do encontro, fruto do antijogo feito pelo adversário do Sporting CP, deu seis minutos de compensação, altura em que os leões apontaram o segundo golo. Nesta partida, os comandados de Telmo Costa viram a trave da baliza adversária negar-lhes o golo por duas vezes e o árbitro do encontro anular ainda dois golos.

O próximo jogo está marcado para o próximo dia 9 de Março, Domingo, pelas 11h, na deslocação ao reduto dos rivais do SL Benfica.

Classificação & resultados aqui.
  • Iniciados (Campeonato Nacional - 2ª Fase - Série Sul)
No encontro da Jornada 5 da 2.ª Fase do Campeonato Nacional, o Sporting CP recebeu, na Academia, o SL Benfica. Os leões perderam por 2-4. Diogo Pinto (33 m) e Miguel Luís (53 m) foram os autores dos golos do Sporting CP.

Na primeira-parte, o ascendente pertenceu aos leões, mas foram os forasteiros que inauguraram o marcador, depois dos comandados de Pedro Venâncio já terem criado algumas boas ocasiões de golo. Em desvantagem no marcador e numa altura em que o jogo estava mais aberto e que as ocasiões de perigo se repartiam para ambas as balizas, o Sporting CP chegou ao empate, por intermédio de Diogo Pinto, quando faltavam dois minutos para o intervalo.

A abrir o segundo tempo, o SL Benfica voltou a colocar-se em vantagem. Os comandados de Pedro Venâncio tentaram reagir ao golo sofrido, mas mostraram-se pouco incisivos. Os leões criaram boas ocasiões, mas a finalização ou saía frouxa, ou a defesa encarnada aliviava sem dificuldades de maior. A partir dos 15 minutos, os leões soltaram-se mais, mostraram as garras e chegaram ao empate por intermédio de Miguel Luís. O SL Benfica reagiu e num espaço de nove minutos marcou mais dois golos, fechando a contagem em 2-4. O Sporting CP terminou a partida com 10 elementos, por expulsão de Rodrigo Prior, já mesmo em cima do apito final.

No próximo fim-de-semana, os leões recebem o CD Nacional.

Classificação & resultados aqui.
Partilhar:

0 comentários:

Enviar um comentário

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!