Próximo Jogo

Próximo Jogo

04/02/2014

O empate mais amargo: muito mais que dois pontos perdidos

Foi com uma profunda desilusão que saí anteontem de Alvalade, sensação que me vem acompanhando desde o apito final do jogo contra a Associação Académica de Coimbra. Há momentos na vida em que agarrar uma oportunidade ou não o fazer faz a distinção entre o sucesso e o fracasso dum determinado objectivo. Na minha opinião, obviamente discutível (para alguns até acredito que seja condenável), anteontem ocorreu um desses momentos-chave na vida desportiva do nosso Clube. Para mim, com este empate e todas as ocorrências da partida, o Sporting CP deitou a perder uma possibilidade muito boa de lutar pelo Título Nacional, pondo ainda seriamente em causa o importantíssimo apuramento directo para a Champions Leaue 2014/15. Servem então as próximas linhas para explicar as razões desta minha persistente sensação.

Devido aos tropeções dos nossos rivais, ganhar o jogo de ontem valia 5 pontos (2+3), isto para além da almofada de confiança, que me parece importante, sobretudo antes dum jogo absolutamente crucial como era e é o derby do próximo Domingo. E o problema é que vamos partir para esse jogo em desvantagem clara, olhando para cada uma das sua componentes. Vamos então por partes:
  • Ausências e "ausência" - Em primeiro lugar, o Sporting CP está privado de 2 elementos-chave na manobra colectiva como são William Carvalho e Jefferson. A importância do primeiro é enorme, e tenho dificuldade em saber como a equipa reagirá sem ele, até porque foi titular em praticamente todos os jogos da época (excepto na Taça de Portugal, contra o SC Alba), sendo muito penalizante que esteja ausente precisamente no mais importante. Quanto a Jefferson, é um elemento fundamental pelo equilíbrio que traz à equipa, a atacar, a defender e também a bater bolas paradas. Acresce a estas duas ausências a possível indisponibilidade de Adrien Silva (saiu tocado, imaginem o Sporting CP na Luz sem os 3) e a "ausência" de Fredy Montero. Onde anda o goleador temível do início da temporada?
  • Imaturidade da equipa - Este Sporting CP está a fazer uma belíssima época, mas temos de perceber que é uma equipa ainda em construção, à procura da afirmação total - que a meu ver ainda não chegou. Isto é para mim evidente quando observamos as exibições e, principalmente, os resultados nos confrontos com os nossos rivais, mas também naqueles momentos-chave como os jogos contra a AA Coimbra ou CD Nacional (ignorando neste ponto as arbitragens, que focarei mais abaixo). 
  • Não jogar em "autocarro" - Para mim é muito claro que para tirarmos alguma coisa do jogo da Luz temos que jogar em bloco baixo, lançando contra-ataques perigosos nas costas da defesa do rival. No entanto, prevejo que Leonardo Jardim se recuse a mudar o modelo de jogo, e vá jogar "olhos nos olhos" com o adversário. E isto quanto a mim é dar o ouro ao bandido, precisamente o que o treinador deles quer.
  • O trunfo da arbitragem - Não é preciso ser muito esperto para perceber que este estará obviamente do lado de lá da barricada no derby. Como se viu no último fim de semana, a coisa está bem programada, para actuar em poucos e absolutamente decisivos momentos. Não me vou alongar mais sobre isto porque todos já o sabemos mas, se preciso for, lá estará este verdadeiro ás de trunfo nas mãos do nosso adversário.
Sendo assim, e se perdermos o dito jogo, precisaremos de fazer mais 6 pontos que nosso rival de Lisboa para ficar em primeiro lugar. Para além disso, estaremos provavelmente já em 3º lugar, ultrapassados pelo FC Porto, ainda que "só" por 1 ponto. Não sendo distâncias impossíveis de recuperar, os efeitos psicológicos desta aritmética nas equipas envolvidas deverão actuar em desfavor do Sporting CP. Em suma, vejo este empate de Domingo passado como extremamente nefasto para as possíveis aspirações do Sporting CP em ser Campeão Nacional, pela soma dos argumentos que exaustivamente descrevi.
  
Sportinguistas, peço desculpa a todos se vos ofendi com este meu post, mas é sincero. É este o raciocínio que está na base da minha descrença para Domingo, e parece-me tão somente baseado na lógica. Dito isto, gostava de deixar dois pensamentos finais; por um lado, dizer que espero mais uma vez estar enganado, e que o jogo da Luz, no Domingo, vos permita virem atirar-me isso à cara. O futebol não poucas vezes contraria a lógica, e gostava muitíssimo que esta fosse uma delas. Por outro lado, nunca é demais recordarmos que esta equipa não envergonha ninguém e está a fazer uma época excelente, na qual voltámos a vibrar com o nosso grande amor, com uma equipa baseada no ADN Sporting CP. Tenho todo o orgulho nela. Que a vejamos evoluir até ao patamar mais alto é dos meus mais sinceros desejos.

Um abraço e saudações leoninas
Partilhar:

7 comentários:

  1. no geral concordo, mas tenho só de lembrar-te que nunca fomos candidatos ao titulo e que com a diferença de planteis orçamentos e ainda por cima nós a ser prejudicados pelas arbitragens e eles beneficiados mais que o terceiro lugar é quase impossível, o que conseguirmos acima disso é muito bom para o primeiro ano da recuperação do Sporting.

    ResponderEliminar
  2. Concordo no geral com o post, no entanto não penso que se deva alterar a matriz de jogo de uma equipa dependendo do adversário, uma vez que mantendo a matriz em que a equipa melhor joga pode funcionar melhor do que jogar de forma a contrariar o jogo do adversário mesmo que isso condicione a nossa exibição também, na minha opinião (no entanto entendo e respeito quem defende que deviamos nos adaptar e jogar no contra ataque contra adversários mais fortes). Em relação a ilusões do título mesmo que percamos na Luz nada fica decidido muita coisa pode acontecer, claro que será sempre mais difícil e menos provável que nos cheguemos ao fim da 30º jornada ao primeiro lugar, mas no futebol a probabilidade tem muito pouco "a dizer". Devemos recordar-nos que somos outsiders na corrida ao titulo, claro que dada a boa prestação da nossa equipa e a má época dos nossos rivais todos sonhamos com algo mais, mas a nossa equipa não é obrigada a mais e nem deverá ser cobrada por isso. De referir também que concordo que estaremos mais fracos sem Jefferson e William e que Montero (principalmente nos últimos jogos) tem me decepcionado bastante (não sei se andará cansado mas o facto é que não vejo a alegria e a vontade que ele tinha, de jogar bem, do início do campeonato).

    ResponderEliminar
  3. Anónimo4/2/14 15:18

    Só para corroborar o seu pessimismo, desde Abril de 2007 que não marcamos/não nos deixam marcar um golo na Luz:

    2007/2008 BENFICA 0 SPORTING 0
    2008/2009 BENFICA 2 SPORTING 0
    2009/2010 BENFICA 2 SPORTING 0
    2010/2011 BENFICA 2 SPORTING 0
    2011/2012 BENFICA 1 SPORTING 0
    2012/2013 BENFICA 2 SPORTING 0

    ResponderEliminar
  4. Excelente post Diogo, com o qual concordo em absoluto.

    Falaste e bem em 4 pontos chave, mas eu vou só comentar o único que podemos "alterar", que é o modelo de jogo que vamos utilizar para defrontar o Benfica.

    É obvio que eu concordo com a alteração do modelo de jogo para Domingo. A história do " temos de ser fieis aos nossos princípios de jogo " é muita bonita, mas o importante é utilizar a estratégia que nos garante mais probabilidades de sucesso. São poucas as equipas no Mundo que jogam sempre da mesma maneira seja qual for o adversário ( Bayern, Barça , Arsenal e poucos mais ). Tendo em conta as nossas limitações e os pontos fortes do Benfica, parece-me claro que temos mais hipóteses de sair da Luz com um bom resultado se jogarmos num bloco mais baixo que o habitual, e optarmos por jogar mais em transições rápidas que em ataque apoiado. Ainda ontem tivemos um exemplo claro de que alterar o modelo de jogo não é necessariamente uma coisa má, ou uma coisa de equipa pequena. O Chelsea foi ganhar a casa do Man City ( que esmaga tudo o que por lá passa) e não sofreu qualquer golo ( há mais de 3 anos que o City não ficava em branco a jogar em casa ). É verdade que falar depois do jogo é fácil, mas tenho quase a certeza que se o Chelsea tivesse jogado no seu modelo de jogo habitual tinha perdido, e por números expressivos.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo4/2/14 19:48

    É um comentário muito lucido e verdadeiro. É certo que «nunca é demais recordarmos que esta equipa não envergonha ninguém e está a fazer uma época excelente, na qual voltámos a vibrar com o nosso grande amor, com uma equipa baseada no ADN Sporting CP», mas não é menos certo que para atingir outros patamares (e não falo sequer da classificação, mas de respeito dos adversários), contando ou descontado a questão da arbitragem, não podiamos deixar passar este momento «em que agarrar uma oportunidade ou não o fazer faz a distinção entre o sucesso e o fracasso dum determinado objectivo». Também o nosso jogador, que atravessou incólume 99% do jogo, deveria ter saído ou ter sido bem industriado para não dar o flanco em caso algum, como da forma algo ingénua em que deu aquele pretexto tão apeticivel para quem quer que estivese à espera dele.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo4/2/14 21:46

    Concordo completamente com o post... sendo realista e ponderado também acho que este empate pode ser trágico para o que nos resta de campeonato.

    Mas como isto é futebol, apesar de não acreditar muito, podemos ganhar na luz sem ninguém estar a espera... Deixemos para Domingo o enterro, ou não, da possibilidade de lutarmos pelo titulo.

    Badeu

    ResponderEliminar
  7. Concordo com o post, mas faço minhas as palavras do Maradona. No princípio da época, com esta equipa, ninguém acreditava que neste momento estávamos a disputar os lugares cimeiros da Liga. Portanto calma, finalmente agora o Sporting está no bom caminho. Um abraço.

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!