Próximo Jogo

Próximo Jogo

14/05/2014

Crime ou Demência?

Não é uma coisa, nem é outra. É a lógica bentoliana e da minha parte até consigo compreender, como podemos constatar, ora:

 - Danny, um dos melhores jogadores do campeonato russo, num momento de forma excepcional, não se enquadra no modelo de jogo da nossa Selecção, é também inferior a Vierinha no drible, faz pior balneário que Ricardo Quaresma e a velocidade de outrora pertence agora a Ivan Cavaleiro. Além disso fiquei a saber que o Ivan conta como 9 também - os defesas que estarão presentes no Mundial que tenham cuidado com este portento. Enfim, para trás deixa-se opções como Bebé ou até Carlos Mané (que não merecendo também ele a chamada, fez bem mais que Ivan Cavaleiro).

- Adrien Silva, visto que a posição de trinco (na óptica de Paulo Bento, ou seja, a mesma que ocupava em Alvalade há uns anos) já está completa, não faria sentido a sua convocatória. Na sua posição natural, a de "8", não apresenta a estatura física de André Gomes, nem a rotação, resistência e velocidade de Raúl Meireles

- Cédric Soares, apesar de ser melhor a atacar que André Almeida perde na impulsão e jogo aéreo, algo fulcral nos dias de hoje. Cruzamentos, o que é isso? Sim, o André Almeida é um tapa-buracos polivalente. Oiço muitos dizerem que o André Almeida disputou vários jogos na Europa no decorrer da época, de importância elevada. Ora se é essa a lógica, devíamos ter integrado Bruno Pereirinha que joga na SS Lazio e tem a vantagem de já conhecer os métodos e feitio de Paulo Bento e vice-versa. É um jogador de um nível mediano e, se não fosse Paulo Bento, jamais sonharia em jogar por Portugal.

- A pré-convocatória de João Mário é tudo menos coerente nesta fase (é óbvio que possui potencial para ser uma referência nacional muito em breve, mas ainda está verdinho), é incompreensível a sua chamada - e não é por ser jogador dos quadros do Sporting CP que vou concordar ou defender a sua ida à Selecção - isto quando se tem Adrien Silva que fez uma época soberba e com uma vantagem sobre os restantes colegas - já conhece as rotinas de William Carvalho. Contudo, dos seleccionáveis é o único que pode oferecer algo diferente ao meio-campo português, sobretudo mais criatividade. Será, portanto um dos meus 23, como será possível verificar mais à frente.

No outro dia fui acusado por um conhecido meu de ser o “típico tuga”, ou seja pessimista e ignorante, uma pessoa que não acredita na sua equipa (Selecção) e que devia acreditar que seria possível ganhar o Mundial. Agora, passado uns dias dou-lhe razão. Uma equipa que deixa elementos como Danny e Adrien Silva de fora é porque tem melhor nos seus quadros – logo o mister não se pode queixar, isto porque, felizmente somos uma nação que se pode dar ao luxo de ter imensas opções por onde optar.

Sim, eu sei que é apenas uma pré-convocatória de trinta jogadores e que sete destes elementos irão sair da lista, mas isso ainda torna a situação mais rídicula, visto os citados acima não caberem sequer nos 30 melhor portugueses…

Queria também deixar uma nota de agradecimento à FIFA por impedir Fernando de ser convocável à Selecção, porque de outra forma William Carvalho ficaria em casa de Adrien Silva e Cédric Soares a ver o Mundial, seguindo a lógica bentoliana… Já agora, gostaria que me esclarecessem numa outra questão. Sendo que Fernando foi equacionado para uma posição já de si preenchida (Miguel Veloso e William Carvalho, que será o dono da posição durante largos anos) e não retirando talento ao luso-brasileiro, porque não consideraram também Lima (tipo efeito Liedson) face à escassez de avançados disponíveis? Suponho que faça parte do acordo para Fernando ter renovado no início de Janeiro, ou seja mais uma vez os interesses extra-Selecção e a (in)coerência falou mais alto. Nada de novo.

Mas não se preocupem, somos capazes de fazer boa figura como outsiders, apesar  daquele sonho antigo que me foi tirado em 2004 frente à Grécia, esmorecer nas decisões de um iluminado. Mete dó só de pensar que o seu contrato foi renovado até 2016 antes do Mundial.

Destes 23, as minhas opções seriam:

GR: Rui Patrício, Anthony Lopes e Beto

DD: João Pereira e André Almeida (não há outra solução, a não ser a adaptação de Rúben Amorim que também seria uma hipótese e permitia mais uma vaga a meio-campo)

DC: Pepe, Bruno Alves, Luís Neto e Rolando

DE: Fábio Coentrão e Antunes

MDC: William Carvalho e Miguel Veloso

MC: João Moutinho, Raúl Meireles, Rúben Amorim e João Mário (será trocado por André Gomes, quase de certeza, mas a meu ver é importante ter um membro que se distinga dos demais na sua posição)

Extremos: Rafa, Cristiano Ronaldo, Silvestre Varela e Nani

PL: Éder e Hugo Almeida
Partilhar:

3 comentários:

  1. bom dia miguel bom post concordo em tudo contigo

    ResponderEliminar
  2. Adrien e Cedric de fora?????? .... Andre Almeida e Joao Mario????? PB e as suas manias....qd n gosta de 1jogad poe de lado e risca....por essas manias perdemos varela cmartins e outros qd passou no nosso clube...ag parece q anda a fazer.se aos lamps......Cavaleiro????????? só pode ser piada....ate mete do....

    ResponderEliminar
  3. Ora bem, começando pelos 30 pré-convocados:

    GR: Eduardo teve uma época horrível e não faz qualquer sentido estar sequer nos 30. Faria muito mais sentido o Ricardo, mas enfim. Convenhamos que Eduardo acabará por sair, ficando Rui Patrício, Beto e Anthony Lopes nos 23;

    Defesas: A polémica aqui prende-se "tão só" pelo tempo de utilização entre André Almeida (convocado) e Cédric Soares (não convocado), para lá da qualidade. Aqui até acedo, já que André Almeida pode fazer as duas alas da defesa e a posição mais recuada do meio-campo, se bem que Cédric merecia o prémio de estar pelo menos nestes 30, sem dúvida absolutamente nenhuma. José Fonte, que se evidenciou durante toda esta época, acabou por ficar de fora, ao passo que Neto, com uma época a todos os níveis horrível está na lista;

    Médios: João Mário, André Gomes e Rúben Amorim convocados (o 1º jogou metade da época a bom nível, o 2º e o 3º foram sempre suplentes toda a época e só jogaram por lesão ou castigo dos titulares); Adrien Silva de fora - e estou tentado até a incluir aqui André Martins, que faria muito mais sentido. A todos os níveis incompreensível;

    Avançados: Ivan Cavaleiro, a sério? Se a ideia era convocar um "jovem", Carlos Mané fez muito mais por merecer, com mais utilização, mais rendimento e mais aproveitamento, e ocupa precisamente as mesmas posições do benfiquista, com a vantagem que pode jogar inclusivamente no meio-campo. De resto, convocou uma mão cheio de jogadores que tiveram lesões graves esta época.

    Enfim, a Selecção que se supõe representar Portugal há muito que o deixou de fazer, representando-se a si mesma, aos seus intervenientes, empresários em voga, dirigentes pagos a peso de ouro, lobbies avulso e etc. Assim será difícil criar a tal empatia que eles tanto falam.

    Paulo Bento é Paulo Bento, e toda a gente sabe o que isto quer dizer...

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!