26/06/2015

Resolvam lá isso, porra!

É hoje notícia em todos os jornais: Sporting Clube de Portugal e Marco Silva encetaram negociações tendo em vista um acordo de rescisão "amigável".

Depois de um processo pouco esclarecido (e pouco esclarecedor) que, tudo indicava, levaria ao despedimento do (ainda) nosso Treinador, por justa-causa, ambas as partes terão cedido, aceitando voltar à mesa das negociações, tentando defender os melhores interesses de cada um.

Parece-me que a impulsividade (ou melhor, a pouca razoabilidade) de ambas as partes terá inviabilizado qualquer acordo, num primeiro momento, mas, agora, bem vistas as coisas, ter-se-á decidido voltar a tentar um acordo. Se foi o Sporting CP ou Marco Silva a "dar o braço a torcer", honestamente, não me parece relevante...

Se da parte do Sporting Clube de Portugal se pretende que este processo seja resolvido com a maior celeridade e brevidade possível (até porque, oficialmente, não poderá inscrever Jorge Jesus enquanto não rescindir com Marco Silva - o que ainda não aconteceu), também para Marco Silva será imperativo desvincular-se o mais rapidamente possível, até tendo em conta o progresso da sua carreira que, de acordo com as mais recentes notícias, passará pelo Olympiakos CFP, Campeão da Grécia.

Acreditando na informação avançada pela imprensa desportiva desta Sexta-feira (mais uma vez, com os cumprimentos da ProEleven), o acordo é muito razoável: o Sporting Clube de Portugal pagaria apenas 1 dos 3 anos que, por lei, lhe deveria pagar (qualquer coisa como 600 mil €)! Contudo, o Clube pretenderá adicionar duas alíneas clausulares que, por agora, estão na base da discórdia, por parte de Marco Silva: i) uma cláusula de confidencialidade, algo razoável e prática comum nestes casos (ler nota mais abaixo) e ii) uma cláusula que o impede de treinar SL Benfica e FC Porto (e SC Braga?!), o que, sendo também prática mais ou menos comum em relação a jogadores, não é habitual suceder com Treinadores. É até desnecessária, diria! Marco Silva é bom Treinador, mas não tão bom assim; precisa ainda aprender muito para chegar ao nível de excelência  - ao contrário do que a imagem que foi criando e nutrindo na imprensa o possa fazer crer.

Apetece-me dizer: resolvam lá isso, porra! Já estamos todos fartos desta novela. Marco Silva deveria já ser Passado...

Nota: Ao contrário do que já li por aí, a cláusula de confidencialidade não se trata de uma qualquer regra ditatorial (tanto que eles gostam de dizer isto...) que o impede de falar de todo e qualquer assunto relativo ao Sporting Clube de Portugal. Como escrito acima, tal cláusula é prática comum nestes casos em qualquer Clube (Leonardo Jardim, por exemplo, também a assinou) e impede "apenas" o clausulado de falar de assuntos sensíveis relativos à sua passagem pelo Clube, não o impedindo de tecer quaisquer outras considerações relativas ao Clube em si. Como, aliás, podemos constar nas entrevistas de Leonardo Jardim, que não se coibiu de comentar sobre o Sporting CP quando sobre isso foi questionado. Convinha esclarecer isto...
Partilhar:

10 comentários:

  1. Restando 3 anos de contrato ao MS para cumprir, o equitativo seria receber metade desse período de tempo em salários, ou seja, 1 ano e 6 meses.
    Por isso, pagando apenas 1 ano de salários ao ex-treinador, parece-me um bom acordo para o SCP.
    A cláusula que o impede de ir treinar Benfica ou Porto é que sinceramente não a compreendo, nem acho que se justifique.

    ResponderEliminar
  2. herrflick26/6/15 17:52

    Concordo inteiramente. A proibição de treinar num rival também me parece desnecessária. De resto, a inclusão do Braga nessa cláusula poderá até ser interpretada como reconhecimento de que são nossos rivais directos. Confio que parte destas exigência façam parte da estratégia negocial, de forma a podermos fazer cedência e aproximarmo-nos da outra parte.

    ResponderEliminar
  3. Se nao o quisemos para que proibi-lo de treinar os clubes citados?
    Sera que teem meso de ter tomado uma má decisão em despedi-lo?
    É pa deixam o Homem ir aonde quer ja que aceitou baixar o que em prencipio deveria ganhar vamos também respeitá-lo e deixa-lo a vida dele.
    Nesse capítulo não concordo com a direção

    ResponderEliminar
  4. Afinal o Braga sempre incomoda tanta letra aqui há uns tempos, até levaram o PR a ver o museu, agora já querem impedir o Marco Silva de poder treinar o mesmo. Já agora porque não colocar uma cláusula para impedir o homem de treinar o Tondela? Ou mesmo o Real Madrid que até pode vir a ser adversário do SCP na CL.

    ResponderEliminar
  5. A cláusula é ridícula neste caso em específico, sim. Mas não deixa de ser uma cláusula inteligente noutros casos, como no de Emiliano Insúa, por exemplo, que impediu a sua vinda para o SL Benfica, por duas vezes...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sao casos totalmente diferentes.

      Eliminar
  6. O Sporting não deve temer Marco Silva.

    ResponderEliminar
  7. é apenas um negócio.esqueçam as cláusulas.o sporting está a borrifar se para onde irá treinar o marco silva.

    Anibal777

    ResponderEliminar
  8. Sinceramente até gostava de ver o MS no Benfica.
    Ao fim de meio ano a opinião generalizada dele era mudada radicalmente.
    Pinho

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!