Próximo Jogo

Próximo Jogo

20/05/2016

Renovação de fé!


Ninguém terá, hoje, dúvidas de que o assédio do FC Porto a Jorge Jesus foi (muito) forte. E, já agora, de que o Treinador o equacionou seriamente... Porém, e ainda bem, Jorge Jesus e Bruno de Carvalho chegaram a um entendimento que permitiu a renovação do contrato do técnico por mais uma época, salvaguardando assim a sua saída imediata.

Não tenhamos dúvidas: até pela posição de Jorge Jesus, sabemos de antemão que poderemos passar por outra indefinição igual no final de cada uma das (agora) 3 épocas do contrato que firmou com o Sporting Clube de Portugal. O desfecho, esse, poderá redundar mesmo na saída do Treinador - será muito difícil fazer frente aos valores que estiveram "em cima da mesa", tanto para o Clube (que não tem salvaguarda de uma cláusula de rescisão, valendo-se unicamente da vontade das partes) como para o Treinador.

Não será com certeza unânime, mas será largamente consensual que a chegada de Jorge Jesus elevou os níveis qualitativos da equipa do Sporting Clube de Portugal para valores que há muito andavam arredados de Alvalade (bem, se quisermos ser precisos, sendo esta a melhor época de sempre - apesar de não se ter alcançado o título de Campeão Nacional - ter-se-ia que dizer que nunca tal se viu!).

Renova-se, portanto, também a fé, tão Sportinguista como frustrante, de que "para o ano é que é!". Com um timoneiro deste calibre a iniciar a 2.ª época seguida, é lógico achar-se que se parte com alguma vantagem, até perante a (maior) indefinição dos principais adversários. Contudo, não cometamos o erro de cair na falácia de que estaremos "sozinhos" na corrida ao título de 2016/17; SL Benfica e FC Porto são Clubes perfeitamente capazes de se redefinir mantendo os níveis competitivos.


Para esta renovação, Jorge Jesus terá "exigido" um alargamento do seu espectro de competências, nomeadamente nas áreas de Comunicação, Prospecção/Scouting e Futebol de Formação. Sendo os outros dois valências mais/menos lógicas, foco na Comunicação:
  • Interna
    Jornal Sporting, Site Oficial e Redes Sociais têm que arranjar forma de, de uma vez por todas, se organizarem directamente, dinamizando-se mutuamente, em conjunto, de forma a evitar, por exemplo, omissões de informação, como muitas vezes acontece no day-to-day do Site Oficial. Há uma ordem a implementar e que tem sido severamente negligenciada. A informação não pode chegar aos canais oficiais depois de chegar primeiro aos órgãos de Comunicação Social, como acontece nalguns casos. Com 3 equipas a trabalhar para a mesma área, embora com especificidades diferentes (Jornal Sporting: Bruno Roseiro, WL Partners: Mário Carneiro, e YoungNetwork Group: Redes Sociais), há que fazer mais e melhor!
  • Externa
    Mário Carneiro, como director de Comunicação, parece demasiado "tenrinho" para o que o Sporting Clube de Portugal necessita. Constatou-se, aliás, esta época em que, perante os inúmeros ataques por parte do principal rival, a resposta não passava senão quando dita pelo Presidente, Bruno de Carvalho - que, já agora, deveria ser o último a ter que falar, neste aspecto - e muitas vezes de uma forma demasiado abespinhada e pouco cabal. A Comunicação externa do Clube deve ser mais pró-activa (ao invés da comunicação reactiva que se viu esta época), evitando cair nas armadilhas que muitas vezes são montadas...
Teremos também, obviamente, muito que discutir quanto à constituição do plantel para a próxima época, a seu tempo, começando desde já com a certeza de que, entre William Carvalho, João Mário e Islam Slimani, alguém irá sair.
Partilhar:

7 comentários:

  1. Excelente análise está Renovação de Fé, como diria Fernando Pessoa
    “O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso, existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis.”
    Obrigado Mauro

    ResponderEliminar
  2. G@rfield

    Bonito e envolvente :)

    Mauro

    Não vale a pena repetir-me dizendo que concordo com o texto.

    Julgo que é fundamental tb olharmos para a comunicação externa do nosso clube. O presidente não pode nem deve dar o peito a tudo. O Sr. Mario Carneiro não pode ter um comportamento "low profile" como se nada fosse. Os ataques foram imensos como bem referiste.

    ps. O Sporting já começou a preparar bem a época pois Jorge Jesus é um dos melhores treinadores do mundo. As conquistas virão a seu tempo.

    Abraço e bom trabalho.

    ResponderEliminar
  3. excelente noticia para acabar ja com uma novela de verão.

    segue-se a novela das transferencias, se fica ou vem este ou aquele.


    Mas já estou ansioso pela proxima epoca!

    scpalways

    ResponderEliminar
  4. Mais um excelente post, do Mauro Silva. só um aparte: Foi noticiado em vários OCS que um operador televisivo (Meo) patrocinador do Porto teria ajudado economicamente, a pagar a "Operação JJ" se o porto conseguisse levá-lo para as Antas. Não foi desmentido, e a ser verdade, é uma atitude rara em Portugal, e na minha opinião, pouco amistosa para não dizer hostil para com os clientes sportinguistas da Meo. O que é curioso ou não, é que não vi/li em nenhum blogue/chat/forum ou Facebook sportinguista, alguém questionar ou revoltar-se com tal comportamento. O que não deixa de ser estranho, pois quando alguém alheio ao Sporting diz algo desagradável em relação ao clube é logo criticado. A ser verdade, eu penso que é pior tentar levar JJ do Sporting que atirar uma boca ao clube, daí a minha admiração e espanto para esta inacção. Gostaria que se possível ler a opinião do Mauro. SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A MEO patrocina o FCP e comprou a este clube os seus direitos televisivos - como fez a NOS em relação ao SCP e ao Benfica.

      Nessa qualidade, e porque tem interesse em ter um FCP forte - porque isso aumentará as audiências televisivas e permitirá um maior encaixe financeiro à MEO - não vejo a necessidade de qualquer reacção do SCP a essa intenção da MEO.

      Parece-me natural que o patrocinador de um clube o ajude financeiramente a contratar um treinador ou a comprar jogadores.

      Eliminar
  5. Esta resposta do SCP a segurar o seu treinador - que ao que parece, foi mesmo assediado para sair com argumentos muito fortes - foi uma excelente demonstração da actual capacidade e força do SCP.
    Noutros tempos, não tenho duvidas que JJ teria mesmo ido embora.

    E o facto de JJ ficar é sinal que acredita neste SCP e que sabe que aqui poderá ter sucesso.

    O ideal seria manter a espinha dorsal desta equipa, ou seja, RP, os dois centrais, WC, Adrien, JM, Ruiz e Slimani.

    Mas se um deles for vendido, particularmente WC, JM e Slimani, saberemos que o será pela cláusula de rescisão ou por valores muito aproximados - o que nos permitirá investir em alguém que esteja a altura de substituir quem sair.


    ResponderEliminar
  6. Penso mesmo que o melhor para um clube e que o treinador nao seja so treinador mais sim "MANAGER" que tudo que tem haver com o futebol passe por ele desde as contratações formação ate a comunicação, especie do que era Alex Ferguson na Manchester.
    Penso que dando liberdade ao treinador ele montara a equipa a sua maneira e sera unica e exclusivamente o responsavel pelos resultados a apresentar ao Presidente e ao clube.

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!