Próximo Jogo

Próximo Jogo

16/12/2016

Federação decide que Campeonatos de Portugal serão adicionados ao palmarés da Taça de Portugal

Mesmo sem se pronunciar oficialmente sobre o tema, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) tomou posição na polémica desencadeada pelo Sporting Clube de Portugal e contabiliza 18 Títulos de Campeão Nacional para a Equipa de Alvalade e não 22, como era pretensão do Presidente leonino, Bruno de Carvalho, e uma pretensão do próprio Clube há já décadas.

A FPF associa o Campeonato de Portugal à Taça de Portugal e a informação é confirmada através da consulta da lista de vencedores no seu site oficial, actualizado recentemente numa remodelação que está a ser levada a cabo ao longo dos últimos meses. Nessa lista a Federação acrescenta todas as equipas vencedoras do Campeonato de Portugal entre 1922 e 1938, confirmando que esta competição antecedeu a Taça de Portugal.

Desse modo, contraria a versão do Sporting CP, que alegava que esta competição deveria ser considerada como o Campeonato Nacional, tal como o era e foi à data desses Campeonatos. Assim, o Sporting Clube de Portugal somaria 4 Taças de Portugal ao seu palmarés, que já contava com 16 desses troféus, perfazendo assim 20 conquistas da Taça de Portugal.
  • Nota de Autor
Antes de 2002/03 as coisas estavam como deviam; as competições todas separadas. Campeonatos da Liga, Ligas Experimentais, Campeonatos de Portugal e Taças de Portugal - todas com o seu devido palmarés individual. Depois, Gilberto Merdaíl decidiu dar provimento à intenção do SL Benfica, somando os títulos do Campeonato da Liga com as Ligas Experimentais. É isso que está errado! Agora, a FPF, com medinho e/ou vergonha de voltar atrás, volta a fazer asneira, fundindo os títulos do Campeonato de Portugal com a Taça de Portugal. Dois erros num só.

Neste País, é assim que se faz. À "cara-podre". Cada vez mais tenho vergonha daqueles que, com responsabilidades, nos deviam (bem) liderar. O que fazem está mais ao nível de um Charles Manson, que com falinhas mansas e palavras de ordem nos levam para o abismo em que cada vez mais se torna a Sociedade, o Desporto e o Futebol em particular. Metem nojo. N-O-J-O!

Aqui no SVPN, o palmarés do Sporting Clube de Portugal na modalidade de Futebol profissional pode ser consultada aqui (link), ao fundo da página. Todas as competições conquistadas estão devidamente separadas e identificadas. E assim permanecerão.

Leia abaixo o Comunicado Oficial do Sporting CP:
1 – A Federação Portuguesa de Futebol prestou-se, uma vez mais, a um exercício de absoluta subserviência e cedência aos mitos que, ao longo de vários anos, se foram construindo sobre o Futebol português, contrariando em absoluto aquilo que são os princípios mais elementares do respeito pela verdade desportiva.

2 – Ao integrar na Taça de Portugal os títulos conquistados entre 1921 e 1938 no então Campeonato de Portugal, a FPF trilha um caminho de revisionismo histórico desrespeitando aquela que era a interpretação generalizada e plasmada em toda a imprensa da época que afirmava, sem hesitações, que era esta a competição que apurava, a cada ano, o Campeão Nacional. E contrariando os factos assumidos pela própria Federação Portuguesa de Futebol que, no seu site na internet, escreve o seguinte: “Em 1922 foi criado o primeiro campeonato de futebol organizado pela UPF. Os vencedores desta competição eram considerados os campeões da modalidade em Portugal”.

3 – Se dúvidas existissem, bastava consultar a História para verificar que, na época de 1938/39, os títulos de Campeão passaram directamente do Campeonato de Portugal para o Campeonato Nacional da I Divisão.

4 – Assim sendo, só por má-fé e profundo desrespeito por 3,5 milhões de Sportinguistas, é que se pode não reconhecer ao Sporting CP a conquista daqueles quatro títulos de Campeão Nacional entre 1921 e 1938, valorizando, com prejuízo do Sporting CP e benefício de outros, aquilo que se designava por Liga Experimental.

5 – Que outros se calem e se verguem perante a conduta da FPF é um problema deles. No que ao Sporting CP diz respeito, não aceitamos que brinquem connosco, que à nossa custa se pretenda apagar a História e, sobretudo, ser espoliados dos títulos que conquistámos com Esforço Dedicação e Devoção, porque a nós nada nos é oferecido.

6 – Quem julga que o Sporting CP se vai calar ou resignar, desengane-se. Estamos, como sempre, convictos da nossa razão e por isso não desistiremos de lutar. E sabemos que podemos contar com o apoio incondicional dos 3,5 milhões de Sportinguistas.
Partilhar:

2 comentários:

  1. Belo comentário Mauro. O teu post complementa fortemente o comunicado do Sporting. Merece copy paste em tudo que é blogosfera. Bom trabalho.

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!