Próximo Jogo

Próximo Jogo

12/02/2017

Atletismo: Leões arrecadam 18 títulos nos Nacionais individuais em Pista Coberta

O Atletismo do Sporting Clube de Portugal dizimou a concorrência este Sábado, na jornada inaugural do Campeonato de Portugal em Pista Coberta, somando dez títulos individuais em 14 finais. Em Pombal, e antes do Campeonato Nacional de Clubes que decorre no próximo fim-de-semana, os atletas amealharam várias distinções de Campeão Nacional, prosseguindo as boas prestações de início de época.

Nos Masculinos, Nélson Évora destacou-se na primeira prova nacional de triplo salto de leão ao peito, vencendo com 16,55 metros, 98 centímetros a mais do que o segundo classificado. Carlos Veiga foi terceiro, com 15,52. Na velocidade, Carlos Nascimento (6.71) e Ancuiam Lopes (6.72) dominaram os 60 metros, alcançando registos mínimos para os Campeonatos da Europa. Na marcha, João Vieira bateu a concorrência e venceu os 5.000 metros, com a marca de 19:54.29 minutos, quase trinta segundos à frente da concorrência. Nos 1500 metros, Guilherme Pinto venceu com 3:51.23 minutos e Paulo Pinheiro fechou o pódio, com 3:52.00 e carimbou a quarta vitória do dia para os homens.

Nos Femininos, a supremacia também foi evidente, faltando apenas o triunfo na marcha e no salto em comprimento. Nos 60 metros, as leoas arrecadaram os 6(!) primeiros postos. Lorene Bazolo fez 7.36 e superou Olímpia Barbosa (2.ª/7.53) e Carla Gama (3.ª/7.73). Nos 400, Cátia Azevedo arrecadou uma vitória exemplar, com a marca de 54.91, e Filipa Martins foi terceira classificada. Na resistência, Amélia Vitorino venceu os 1.500 metros, com 4:34.16, e Vitória Oliveira foi terceira nos 3.000 (13:08.05). No lançamento do peso (4kg), Jéssica Inchude ganhou a prova confortavelmente com o registo de 16,90, superando a companheira Francislaine Serra, terceira classificada com 14,98. Anabela Neto ganhou o salto em altura (1,85 metros) - com a sua melhor marca pessoal e um record nos Campeonatos Nacionais - e Maria Leonor Tavares venceu o salto com vara (4,03 metros), faltando apenas o comprimento, em que os 5,64 não deram mais do que o bronze.

Apesar de ser um balanço do primeiro dia de competição, o director-técnico, Carlos Silva, destacou o bom desempenho dos seus atletas, valorizando algumas marcas de registo: "O dia de hoje foi muito positivo. Conseguimos vencer os 1.500 metros e suplantar o Emanuel Rolim [SL Benfica], que era favorito. A final dos 60 metros masculinos também foi um dos grandes momentos, já que terminou com dois atletas do Sporting CP a lutar pela vitória e a conseguirem mínimos para os Campeonatos da Europa. Também nos 60 femininos um pódio totalmente verde. Obviamente, é de destacar a habitual competência do João Vieira [5.000 metros marcha] e do Nélson Évora [triplo salto], que está a saltar muito seguro. Devemos manter este registo no segundo dia de prova. O salto da Patrícia Mamona será um dos grandes momentos do dia e também há alguma expectativa para os 200 metros masculinos e para os 800 de ambos os géneros".

O balanço do Campeonato Nacional em Pista Coberta é mais do que positivo para o atletismo do Sporting CP. Nos dois dias de prova, que decorreu no Expocentro de Pombal, os leões somaram 18 títulos de Campeões Nacionais. Patrícia Mamona, atleta de triplo salto, foi o grande destaque de hoje depois de alcançar uma marca de 14,05 metros. Com este registo, a leoa supera o seu record pessoal na competição (também recorde da prova), já depois de se ter qualificado para os Europeus em Pista Coberta, que se irão realizar em Belgrado. Na velocidade, Carlos Nascimento deu continuidade ao bom desempenho do primeiro dia, onde tinha vencido os 60m, tendo hoje superado o júnior Mauro Pereira (SL Benfica), com a marca de 21,58 segundos nos 200m masculinos.

A prova dos 800m também foi dominada pelo emblema de Alvalade, tanto no género masculino como no feminino. Salomé Afonso garantiu o primeiro lugar do pódio ao registar 2,09.36 segundos. Sandy Martins ganhou o ouro (1,53.82) após ter superado Emanuel Rolim (1,54.02), atleta dos encarnados. De salientar que, do lado feminino, Amélia Vitorino subiu também ao pódio, ocupando o segundo lugar, com a marca de 2,09.84 segundos. O leão Hugo Correia revelou-se o mais forte na prova de resistência dos 3.000 metros. Os 8,22.01 minutos contabilizados pelo atleta leonino serviram para superar Nuno Lopes, segundo classificado (8,22.55) e o colega Bruno Albuquerque, também do Sporting CP (8,22.86). Quem também arrecadou o ouro foram Rasul Dabó e Eva Vital, ambos nos 60m barreiras, masculino e feminino, respectivamente. O barreirista verde-e-branco conseguiu o tempo de 7,29 segundos, suficiente para vencer João Fontela (segundo classificado - 8,01) e Hélio Vaz (terceiro classificado - 8,10). Eva Vital esteve em evidência do lado feminino (8,51 segundos), tal como a companheira de Clube Mariana António (8,91), que fechou o pódio. Andreia Felisberto ocupou o segundo lugar ao registar 8,84 segundos.

Para terminar o dia em glória, António Moura, Ricardo Ribeiro, Tiago Horta e Sandy Martins saíram vencedores dos 4x400m, depois de alcançarem a marca de 3,20.52 minutos. O SC Braga conseguiu a prata (3,25.40) e o Clube Atletismo de Seia o bronze (3,25.99).
Partilhar:

2 comentários:

  1. Gente com garra.

    PARABENS

    ResponderEliminar
  2. Realmente foi avassalador, em 28 provas ganhamos 18, e não competiram alguns dos nossos atletas que devem estar presentes na semana que vem. No feminino ganhamos 9 provas, o Juventude Vidigalense 2, depois vem o Clube Oriental de Pechão (com a olímpica Ana Cabecinha), o CASeia (com uma nossa ex-atleta a Inês Monteiro) e por ultimo as galinhas também com uma vitória. Julgo que nas senhoras estamos conversados, ou muito me engano ou a luta pelo 2º lugar vai ser renhida entre as atletas de Leiria e as de Carnide.
    Nos masculinos, o Carnide melhorou, e das 14 provas venceram 5, embora aqui poderemos na próxima semana obter melhores resultados.

    ResponderEliminar

O SVPN reserva-se ao direito de moderar sem aviso prévio, qualquer comentário abusivo/ofensivo ou insultuoso.

Qualquer comentário desenquadrado com o tema do post não será aprovado.

Para facilitar a discussão, agradecemos que assinem os comentários - quem não tem conta pode seleccionar o campo Nome/URL (o URL pode ser deixado em branco), onde podem assinar o vosso nome ou um qualquer nickname à vossa escolha!